Doação de quase seis toneladas de alimentos chega no Guarujá e Santos

Logo facebook compartilha Logo twitter

Em mais uma parceria repleta de solidariedade, o movimento Periferia sem Corona e a Educafro realizaram nesse mês (dia 14) uma ação no bairro de Santa Cruz dos Navegantes, no Guarujá, e no Dique Sambaiatuba, na zona noroeste de Santos, ambas em São Paulo.

Foram doadas quase seis toneladas de alimentos, representando 390 cestas básicas, para diversas famílias em situação de vulnerabilidade assistidas pela Associação Maria Teresa De Almeida Chagas e a Unidade De Saúde Da Família (USAFA), no Guarujá, e famílias auxiliadas pelo projeto Arte no Dique, em Santos.

No Guarujá, alguns donativos foram recebidos e distribuídos na Capela Santa Cruz, enquanto o restante das doações foi entregue diretamente nos lares dos beneficiados. Para ajudar na prevenção ao novo Coronavírus, também foram distribuídas aos moradores 500 máscaras reutilizáveis confeccionadas pela Universo da Criatividade.

Os voluntários também se encarregaram de fornecer informações importantes para a prevenção ao novo Coronavírus, como orientações em relação ao distanciamento social e uso das máscaras. Para que as necessidades da comunidade fossem conhecidas, um mapeamento foi realizado no local visando possíveis novas doações.

Toda a ação também só foi possível graças a ajuda com transporte e logística feitas de forma generosa pelas empresas Tupantur Turismo e a AL Translog.

Família Educafro

Com o objetivo de promover a inclusão da população negra (em especial) e pobre (em geral), nas universidades públicas e particulares com bolsas de estudos, a Educafro reúne voluntários, solidários e beneficiárias da causa.

Para possibilitar empoderamento e mobilidade social da população pobre e afro-brasileira, a Educafro organiza e provoca o surgimento de núcleos de pré-vestibular (novos núcleos) nas periferias de todo Brasil, proporciona o surgimento de novas lideranças e cidadãos conscientes nas comunidades e nas universidades, busca a formação cidadã e acadêmica através das aulas de professores voluntários nos cursinhos comunitários.

 Além disso, presenta propostas de políticas públicas e ações afirmativas aos poderes executivos, legislativo e judiciário, difunde princípios e valores que contribuem para a transformação social do Brasil e Américas. Com fundamento no ideário cristão e franciscano, desperta nas pessoas a responsabilidade e autonomia na superação de dificuldades, as tornando protagonistas de suas histórias e valorizar a organização de grupos sociais e populares como instrumento de transformação social.

No conjunto de suas atividades, a Educafro luta para que o Estado cumpra suas obrigações, através de políticas públicas e ações afirmativas na educação, voltadas para negros e pobres, promoção da diversidade étnica no mercado de trabalho, defesa dos direitos humanos, combate ao racismo e a todas as formas de discriminação.

Ficou interessado(a) em ajudar? A Educafro faz um convite a todos! Se você já concluiu o segundo grau ou está em via de terminar e quer ingressar na universidade, ou quer ser professor/a voluntário/a em nossos projetos, então não perca tempo e participe das reuniões às quintas-feiras, às 18h ou aos sábados às 15h, em nossa Sede Nacional. Para conferir o endereço e detalhes sobre a organização, acesse o site clicando aqui.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


quantidade de comentarios 296 0
data publicacao 296 27 de Maio de 2020
categoria 296 Notícias